.
.

Quatro estações

















.

12 comentários:

✿ chica disse...

Lindo,Helena!! Inspiradíssimo! beijos,tudo de bom,chica

MARILENE disse...

E para descrever cada uma delas precisará de poucas palavras, eis que já nascem belas. Bjs.

Anderson Fabiano disse...

Stella mia,

Se o tempo consultasse a poesia para criar as estações, bastaria uma: Você!

Amo você, Poetinha!

Barba

ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Querida amiga

As palavras
que semeiam o pensar
são preciosas.
Delas nascem sentimentos
que nos tiram do lugar comum
e nos fazem sentir
o perfume
precioso da vida.

Olha o céu de manhã.
Vês como brilha iluminado
por teus sonhos...

Blue disse...

A poeta blumenauense,
escreve lindo verso,
onde escuto um som musical,
que a folha de plátano faz,
ao cair nesta linda pele de seda,
bronzeada no verão que se vai!

Beijo



Maria disse...

Gostei muito...parabéns pela escolha!
Bjs
Maria

Elisa T. Campos disse...

Querida amiga

Atrasei-me . Cheguei no outono a tempo de ver a primavera

Linda criação.

Bjs.

ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Querida amiga

Passando para ler
novamente
este tributo
a esperança...

Acorda a alegria em ti,
como quem acorda uma pessoa muito amada...

Leninha disse...

... flores desabrocham em todas as estações e só pode ser primavera quando palavras perfumadas invadem todos os nossos sentires...
Bjsssss e muita ternura,
Leninha

manuela barroso disse...

Cheguei.
Muito atrasada.
A tua poesia não espera.É para se inspirar, respirar fundo como um nascituro.
E nem sei o que dizer de tal quadro de tal poetrix. Não tem comentário possível querida amiga minha. Deste a volta num flic-flac estonteante.
Mas as flores estão sempre sempre em ti.
Tu ja és flores todas as estações. A primavera virá sim, para te saudar. E serás como ela: és sempre re(nascida)!
Um terno longo abraço doce amiga Helena!

✿ chica disse...

Volto pra agradecer e desejar tuuuuuuuuuuudo de bom!beijos,chica

manuela barroso disse...

Um das mais lindas inspirações
que ja vi!
E a primavera está aí!
Mil bijis Leninha